Piloto campineiro de 16 anos mantém liderança na Endurance Brasil

0
Foto: Rodrigo Ruiz/Divulgação

O piloto de Campinas João Pedro Maia, de 16 anos, terminou em segundo lugar na 2ª etapa do Império Endurance Brasil e mantém a liderança na categoria P3. A corrida de longa duração foi realizada no Autódromo Internacional de Curitiba, no último sábado (5).  

Mesmo com a quebra da suspensão dianteira do carro, faltando cerca de 30 minutos para o fim da prova, Maia e seu companheiro Tiel Andrade, da equipe MC Tubarão, conseguiram pontuar e garantir o pódio, por terem concluído mais de 70% da prova.

A dupla largou em segundo no grid da categoria P3 e chegou a liderar. Mas na última parte, quando Maia retomou a pilotagem para concluir a prova, logo ao sair dos boxes a suspensão dianteira quebrou, forçando-o a abandonar.  “É frustrante, porque vínhamos muito bem e a vontade é de lutar até o final da corrida. Mesmo assim, por termos concluído mais de 70% da prova e levando-se em conta os abandonos de alguns concorrentes da categoria, conseguimos pontuar e garantir a segunda posição no pódio, mantendo a liderança do campeonato na P3. Então, o saldo é super positivo para a equipe”, comemorou Maia.

Maia e Andrade se revezaram na pilotagem do protótipo por 4h, num grid de mais de 30 carros divididos em sete categorias: P1, P2 e P3 (protótipos), além da GT3, GT3 Light, GT4 e GT4 Light, que reúnem marcas como Mercedes, BMW, McLaren, Porsche e outras – todos considerados como os mais rápidos do País.

Em 2020, João Pedro Maia viveu a expectativa de estrear na Fórmula 4 FIA Argentina, para tentar traçar seu caminho rumo à Fórmula 1, frustrada pelos desdobramentos da pandemia. Neste ano, no entanto, chegou ao Império Endurance Brasil e à equipe MC Tubarão por indicação, onde permanecerá até o fim da temporada. A 3ª etapa da temporada 2021 está marcada para o mês de julho, em local a ser definido.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor,deixe seu comentário
Por favor, informe seu nome aqui